Sim às reformas!

Belo Horizonte | Quarta-feira, 12 de julho de 2017 - 13h 38

É através das pequenas vitórias que construímos e marcamos nossas histórias. E enquanto diversas variáveis políticas e econômicas ofuscam nossas visões, a Reforma Trabalhista deve ser considerada uma grande vitória. Um avanço que evidencia a força que temos para romper padrões obsoletos quando, organizadamente, atuamos em busca de um cenário melhor.

 


Após um dia de polêmicas e muitas discussões, foi aprovado no plenário do Senado Federal o texto-base da chamada Reforma Trabalhista. Resta ainda a sanção presidencial para que as novas regras sejam aplicadas no mercado, mas a estimativa é de que a legislação em vigor em 120 dias após a provável sanção em novembro deste ano. O texto altera mais de 100 pontos da legislação trabalhista como divisão de férias e extensão da jornada, além de implantar novas modalidades como o trabalho remoto, mas preserva os direitos fundamentais dos trabalhadores. Além disso, o governo garantiu que publicará medida provisória (MP) para regulamentar alguns pontos que causaram insatisfação, inclusive em integrantes da base aliada.

 


“Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”, já diria Charles Darwin. O mundo mudou e precisamos nos adaptar a ele. Valorizar cada vez mais o nosso direito de liberdade que qualquer país desenvolvido preza e busca. Tenho a convicção que, por meio dessas alterações, começamos a retirar o gesso de um passado que teve em sua essência uma economia majoritariamente agrária e uma Justiça Trabalhista inexperiente, recém-criada. Hoje vivemos na era da informação, onde a competitividade e a agilidades dos processos são requisitos básicos e primordiais para o crescimento virtuoso. As leis que foram construídas baseadas em um determinado contexto já não nos servem adequadamente. Essa reforma chega trazendo luz a um caminho de pedras afiadas e nos faz acreditar que o futuro pode ser construído com liberdade e autonomia.

 


Acredito fielmente (e espero) que tal reforma seja a primeira de muitas que ainda se fazem necessárias para a nossa adaptação aos tempos modernos. O sucesso dela vai comprovar que podemos renovar nossas relações - não somente trabalhistas, mas em todas as dimensões e hierarquias - tornando-as mais modernas. Estamos vivendo o famoso século XXI, aquele que seria o divisor de águas. Portanto, vamos nos desprender das âncoras que ainda nos remetem ao século passado. Temos que continuar lutando para renovar e nos adaptar cada vez mais. Nós, brasileiros, lutamos e estamos conseguindo aquilo que merecemos. Não vamos parar por aí! Lutemos por mais reformas íntegras e responsáveis! A história existe apenas para aprendermos com nossos erros e ela está sendo escrita de forma diferente a partir de agora. Temos que aproveitar o momento atual, em que a economia começa a apresentar sinais positivos, para nos fortalecer como uma nação unida e moderna.

 

 

Frank Sinatra

Presidente da FCDL-MG

Galeria de Fotos

AGO - Eleição 2017

AGO - Eleição 2017

Revista Movimenta

 

 

 

Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de Minas Gerais

Av. Silviano Brandão, 25 – Sagrada Família – Belo Horizonte/MG

CEP: 31030-525 – Telefone: (31) 2532-3300